Weby shortcut
ECOEVOL-topo
UFG - Universidade Federal de Goiás
Youtube

Apresentação

Atualizado em 19/11/14 09:22.

 

 

 

O Programa de Pós-Graduação em Ecologia e Evolução (PPG-EcoEvol) tem como objetivo a formação de profissionais altamente qualificados para atuarem em empresas, órgãos do governo, institutos de pesquisa e no magistério superior. Tais profissionais devem  atender as necessidades do desenvolvimento regional e nacional.

 

O Programa de Pós-Graduação em Ecologia e Evolução (PPG-EcoEvol) foi criado e recomendado no ano de 2003 pela CAPES/MEC, como um desmembramento do Curso de Biologia da UFG. O PPG-EcoEvol foi criado apenas com o nível de mestrado e a primeira turma ingressou em março de 2004. O doutorado foi criado pouco tempo depois e a primeira turma ingressou em 2007.

O tempo esperado para a conclusão do mestrado é de 24 meses. O candidato aprovado no processo seletivo deverá obter, no mínimo, 21 créditos em disciplinas e defender dissertação, com freqüência maior que 85% em todas as atividades com avaliação. Ao final, caso aprovado na defesa pública, será outorgado o título de Mestre em Ecologia e Evolução.

O tempo esperado para a conclusão do doutorado é de 48 meses. O candidato aprovado no processo seletivo deverá obter, no mínimo, 30 créditos em disciplinas e defender tese, com freqüência maior que 85% em todas as atividades com avaliação. Ao final, caso aprovado na defesa pública, será outorgado o título de Doutor em Ecologia e Evolução.

O curso poderá oferecer bolsas, cuja concessão se efetuará em função da disponibilidade e critérios fixados pelas agências de fomento e pela Comissão de Bolsas do Programa. Atualmente, o programa conta com bolsas de agências ou órgãos governamentais (CAPES, CNPq, UFG e FAPEG).

Estão credenciados no programa, 23 orientadores, sendo 20 pertencentes à Universidade Federal de Goiás (18 no campus de Goiânia e 2 em Jataí), 1 da Pontifícia Universidade Católica de Goiás, 1 da Universidade Estadual de Goiás e 1 do Museu Nacional de Ciências Naturais de Madri (Espanha).

O número de alunos varia conforme a época do ano, embora a média atualmente seja de 37 alunos regularmente matriculados no nível de mestrado e 35 no nível de doutorado. Para o desenvolvimento dessas dissertações e teses, além do apoio da UFG, da Fundação de Apoio à Pesquisa (FUNAPE/UFG) e de recursos financeiros da CAPES (através do PROAP), o programa firmou parcerias com a Conservação Internacional e com a Anglo American do Brasil, além de inúmeros projetos individuais de seus pesquisadores aprovados pelo CNPq, CAPES, FAPEG e Fundação "O Boticário".

Na avaliação feita pela CAPES por ocasião de sua abertura, o PPG-ECoEvol recebeu o conceito 4. Na avaliação do triênio seguinte (2004-2006) o curso continuou com conceito 4 na avaliação da CAPES. No triênio (2007-2009) o curso passou para conceito 5. E no último triênio (2010-2012) o curso atingiu conceito 6.

 

Listar Todas Voltar